sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Programa de Qualificação Profissional Segue Firme em Viamão.

Projeto social Desenvolvimento Campeão:
No Brasil, uma das questões mais preocupantes da atualidade é o desemprego nas famílias de baixa renda. Essa é uma realidade que está muito mais próxima principalmente, onde há o pouco desenvolvimento e acesso a qualificação profissional.
Destaca-se como medida de apoio na diminuição destes índices o Programa de Qualificação e requalificação Profissional e Geração de Renda "Piscina Segura" que colabora de forma singular para a inclusão sócio produtiva dos participantes deste projeto garantindo-lhes a capacitação, requalificação profissional, sua autonomia e emancipação econômica frente as dificuldades do mercado de trabalho.
Guarda Vidas:
O curso de Guarda vidas de piscinas que tem como referência de suas atividades o código Brasileiro de ocupações número 5171/15
amplia a inclusão de forma a capacitar e requalificar profissionais,adultos e leigos em situação de vulnerabilidade social. 
Essa capacitação, melhora as condições de vida dos participantes oferecendo ao mercado mais uma opção de segurança por meio de profissionais realmente aptos e capacitados que com a ajuda do projeto contribuem de forma substancial junto a sociedade através da prestação de serviços preventivos nas piscinas e parques aquáticos em períodos de veraneio no Estado de forma a contribuir preventivamente junto a segurança de seus utilitários.
O projeto desenvolvido pela Febrabom RS não fica apenas direcionada a "requalificação" mas também, a melhorar lhe as condições sociais a partir de uma nova oportunidade em uma nova área de atuação Profissional.
Onde a renda adquirida através da atividade ministrada detalhadamente, faça frente diminuído e principalmente, melhorando a qualidade de vida dos envolvidos.
Em sua 04 edição o projeto que capacitou mais de 80 pessoas teve novamente início na noite de quinta feira dia (20) Onde a instrutora Barbara Makar conduziu o processo de capacitação de dependentes e participantes do projeto advindos de várias localidades do RS.
A iniciativa por meio da arrecadação de não perecíveis fomenta ainda outros projetos mantidos pela entidade.
Equipe de Jornalismo e Comunicação Social Febrabom